Pesquisar este blog

29.6.16

É o Momento Fudeu


Não é a queda, o impacto no chão, ralados e sangue. É o momento que precede a queda. Aquele átimo de instante em que não há contato com nenhuma superfície, nem nada, nem tempo nem ninguém em quem se agarrar e a única visão é a do chão duro, inexorável e indiferente se aproximando da sua cara. A sua cara sem ar, a sua cara muda, a sua cara que vai quebrar. Também conhecido como Momento Fudeu.

Há o Momento Fudeu gastronômico. Quando, por exemplo, o bolo já está no forno há mais de 10 minutos e o gás acaba.

Há o Momento Fudeu informático. Quando você finaliza um e-mail com um SUA VACA, assim, em caixa alta só pra desopilar e quando vai apertar o botão de delete o gato salta do lado e aperta o botão da direita que está sobre o enviar.

Há o Momento Fudeu Agora-vou-morrer, quando o médico da 4a opinião te informa, assim como o da 3a, que o primeiro errou, errou feio e que agora o seu câncer inicial encontra-se em estágio avançado e rádio e químio e famílias e amigos evaporando. Nesse Momento Fudeu a tônica é a solidão. A solidão e a gincana desumana promovida por Anvisa e receita federal. Morram vocês, seus putos! Que eu vou é dar a volta por cima!

Não é a queda, o impacto no chão, ralados de sangue. Não é o cheque sem fundo. Não é a morte inesperada, não é o pão que caiu no chão - filho único - com o último tiquinho de manteira virado pra baixo.

É aquele instante, criatura, de consciência lúcida, segundos antes da sua cara estraçalhar no chão. O segundo entre a identificação do número do banco no visor do celular e a voz protocolar da atendente de telemarketing da empresa de cobrança. É aquele instante ao telefone segundos antes do interlocutor dizer - morreu. Mas você já sabe. Você já sabe que morreu assim como sabe que aquele pão era o último e você não tem um puto para comprar outro amanhã.

É, enfim, aquele segundo eterno em que o muro ainda está longe mas você já percebeu que o carro está há 180km/h e os freios não funcionam.

O Momento Fudeu é o momento em que não há. Saída. Não há. Solução. Não há. Não há mais ninho.


3 comentários:

  1. especialista em momento fudeu ---> eu. adorei o post ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma arte, né Luciana? Não é para amadores. :)

      Excluir
  2. verdades absolutas

    ResponderExcluir